darque_vinha (6)

Da vinha ao vinho

NA CASA DAS ARTES SUMARENTOS CACHOS DE HISTÓRIA VINDIMADOS “DA VINHA AO VINHO”

Na Casa das Artes de Darque alguns sumarentos cachos de história foram vindimados e espirituosamente escorreram pelas gargantas das dezenas de darquenses que assistiram no dia 19 de dezembro a uma bela sessão cultural sobre o património, turismo e empreendedorismo. A dinamização do evento esteve a cargo dos Prof Drs Gonçalo Maia Marques- ESE, IPVC e Sérgio Jacques. A Prof Dra Ana Sofia Rodrigues – ESE, IPVC devido a impedimento inesperado não pode prestar o contributo que estava programado.

A Dra Sandra Alves coordenadora do projeto CLDS 3G Viana Sul, conjuntamente com o Presidente da Junta Engº. Fernando Garcez, abriu o evento com a apresentação da exposição fotográfica “A Região dos Vinhos Verdes: a autenticidade pela objectiva de Egídio Santos”, cedida pela Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes.

Seguiu-se a tertúlia onde se enquadrou historicamente o vinho verde na região, durante o período das invasões francesas em Darque e a importância do vinho verde para a região, do ponto de vista social e económico, dinamizada pelo Prof Dr. Gonçalo Maia Marques.

Na sua brilhante comunicação o Prof Dr Gonçalo Maia Marques fez, também, a apresentação da sua mais recente obra “No Reino do Vinho dos Homens -Uma viagem pelos Mosteiros, Vinhos e Gastronomia do Noroeste de Portugal”, onde o autor a constitui como uma grande viagem pelo Entre Douro e Minho, tendo em conta três dos seus produtos culturais e turísticos mais importantes: a presença das Ordens Religiosas, nomeadamente a Ordem Beneditina, fortíssima ainda hoje no edificado e nos artefactos culturais que nos legaram; o Vinho Verde, produto único no mundo e cada vez mais procurado pelas suas caraterísticas únicas e revigorantes e, por fim, a riquíssima e variadíssima Gastronomia Minhota, impregnada de elementos patrimoniais relevantes.

Em cada uma das viagens que foram apresentadas pelo autor, propõe-se encontrar mistérios, lendas e documentos, mas também a curiosidade do olhar, o fascínio dos sentidos e a arte no seu sentido mais belo que a relação da vinha, da paisagem, do edificado, pode transmitir.

No final da sessão foi feita uma prova de vinhos – que foram muito apreciados – fornecidos gentilmente pelo Solar do Louredo – Geraz de Lima.

A exposição fotográfica estará acessível na Casa das Artes de Darque todas as quartas-feiras e sábados das 14h às 18h; e às sextas-feiras das 17h às 20h, até ao mês de Fevereiro.

darque_vinha (5)

darque_vinha (7)

darque_vinha (4)

darque_vinha (2)

darque_vinha (3)

darque_vinha (1)

darque_vinha (8)

258 321 150
jf-darque@mail.telepac.pt
 
NOTÍCIAS RECENTES

facebook